O que fazemos

Com mais de 27 anos de história, a ECOS desenvolveu inúmeros projetos, além disso, somos é referência no desenvolvimento de materiais de comunicação em sexualidade, gênero e prevenção das IST/HIV/Aids. Todos os materiais, como vídeos, manuais, livros, apostilas e boletins são desenvolvidos com base em pesquisas científicas e sistematização das intervenções junto a população beneficiada pelo projeto.

A ECOS considera de extrema importância que o conhecimento seja acessível e construído com base em experiencias práticas junto à população e em evidencias cientificas.

A realização e a distribuição desses materiais começaram em 1992, quando um grupo de diretores, vendo a insuficiência de comunicação, começou a produzir e distribuir os conteúdos impressos sobre assuntos de expertise da instituição para escolas, alunos e famílias a fim de democratizar a informação, facilitando o acesso àqueles que não os possuíam.

Em meados de 1995, a instituição pensou em suas formas de garantir sustentabilidade à iniciativa; a partir disso, começou a vender o que produzia a preços simbólicos.

Pensando em capacitar os profissionais, os responsáveis pela produção de materiais realizavam um processo de pesquisa e discutiam com a produtora acerca das elaborações dos temas, tendo como diretriz as questões comuns da adolescência, a gravidez precoce e infecções sexualmente transmissíveis.

As publicações impressas chegavam em torno de mil ou mais cópias, e os vídeos alcançavam em torno de 30 unidades.

A ECOS tem como lema a perspectiva “nada de nós sem nós”, portanto, todos os materiais produzidos são feitos com a presença de técnicos e representantes dos grupos para quem o material está sendo proposto.

Após o termino desta etapa, utilizamos diferentes metodologias, como as técnicas de grupo focal, para validação do mesmo. A última etapa é a adequação destes, considerando os achados trazidos na etapa anterior.

Além de manuais, apostilas, boletins e livros, são produzidos vídeos e DVDs educativos sobre sexualidade, saúde reprodutiva, prevenção às DST/Aids, relações familiares, prevenção ao uso indevido de drogas e violência de gênero e diversidade sexual.

De forma bem-humorada, menos formal que os materiais impressos, e com uma linguagem de fácil compreensão, os vídeos têm como intuito despertar o interesse e a atenção da comunidade em relação a temas tão comuns no cotidiano dos brasileiros, mas ainda tratados como tabus, razão essa pela falta de discussões sobre sexualidade e por aqueles que não querem que os direitos sejam iguais a todos.

Todos os materiais produzidos, entre vídeos e apostilas, são disponibilizados para download e reprodução aqui no site da ONG.

© 1989 - 2018 ECOS - Comunicação em Sexualidade. Todos os direitos reservados.